Análise de tensões por elementos finitos de um sistema rígido para carga imediata em mandíbula edêntula

Marcelo Fontes Teixeira, Saturnino Aparecido Ramalho, Ivete Aparecida de Mattias Sartori, Roberto Bruno Lehmann

Resumo


Este trabalho analisou, por meio do Método de Elementos Finitos, as tensões geradas no osso cortical ao redor de implantes que suportam próteses totais fixas mandibulares com esplintagem dos implantes por meio de uma barra pré-fabricada rígida de titânio (Sistema Neopronto® - Neodent®), após simulação de carga oclusal axial e oblíqua, aplicada no último elemento do cantilever. Os resultados mostraram que o sistema de esplintagem rígida dos implantes transmitiu tensões máximas toleráveis ao osso cortical. Concluiu-se que o carregamento axial transmitiu menor tensão ao osso cortical que o carregamento oblíquo, no entanto, para ambos os tipos de carregamento, não haveria comprometimento
da integridade do osso cortical, visto que o limite máximo de tensão atingido foi inferior ao preconizado na literatura (167 MPa).

Palavras-chave


Análise de elemento finito; Tensão superficial; Implante dentário; mandíbula; Arcada edentada.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18363/rbo.v67n1.p.92

Direitos autorais 2016 Revistas